Mais perto da escola

Posted on 25/09/2008 por

0


por Rafaela Suzart

É assim que os alunos do Colégio Estadual Eraldo Tinoco querem estar e um dos maiores motivos é o esporte. A prática da Educação Física tem estimulado os alunos no aprendizado das demais matérias acadêmicas e os aproximado da escola.

A quadra reduzida não é motivo de desânimo para os estudantes. As aulas teóricas dão aos alunos a base sobre cada esporte; já as práticas têm que ser um pouco diferente. Os esportes são adaptados com um menor número de participantes para que sua realização seja possível e não deixam de agradar os alunos, que procuram cada vez mais as atividades como ocupação. Para o professor Paulo Edson, “o intuito é a parte lúdica do esporte, não há muita competição”. E esse espírito é passado para os alunos, que concordam que a maior importância do esporte é educar socialmente, além de fazer muito bem para a saúde.A matéria agrada tanto que os alunos desejam mais: vôlei, karatê, handebol, basquete, boxe, capoeira, natação. Os anseios são muitos, mas o tempo não permite que os esportes sejam mais aprofundados. “Cada unidade trabalha com um esporte diferente. Não tem um ginásio ideal, mas as aulas despertam a vontade nos alunos”, conta o professor.

Além de estímulo para o aluno no progresso como atleta e na aprendizagem das demais matérias escolares, o esporte tem a função social de preencher horários vagos. O estudante Paulo Camilo, de 16 anos, acredita que praticar esporte é uma maneira de ocupar a mente do jovem, evitando que este siga um caminho negativo. “O karatê e a capoeira me ensinaram a ter mais disciplina e respeito”, completa. A pedagoga Ednair Queiroz confirma que “o esporte é uma maneira agradável e estimulante de educar um cidadão. Noções básicas de respeito, força de vontade, dedicação e comprometimento são fundamentais no esporte, assim como na vida em geral”.

Anúncios
Posted in: EDUCAÇÃO