Capoeira Mangangá realiza projeto em Vila Mar

Posted on 17/09/2008 por

2


por Danilo Magalhães

[danilo_nmagalhaes@hotmail.com]


“Eu nasci pra ser vencedor e é por isso que eu sou capoeira”, é com esses versos que o grupo de capoeira Mangangá, coordenado pelo contramestre Gean Paulo, desenvolve um projeto voluntário de capoeira para crianças de Nova Brasília, Vila Mar, Jaguaripe II e região.


“A capoeira ajuda os alunos a terem respeito um pelos outros, a saberem o quanto é importante o estudo para o futuro deles. Observamos o aumento da auto-estima, pois os tratamos bem, o que, muitas vezes, não acontece em casa e procuramos sempre ouvi-los. Muitos voltaram a ter vontade de estudar”, diz Gean Paulo Contra-Mestre e professor do grupo.


A sede do grupo fica em Vila Mar, e as aulas acontecem as segundas, quartas e sextas, às 19 horas. O espaço foi cedido por um comerciante da região, que ainda paga a luz e a água. O grupo também dá aulas às crianças de cidadania, auto-estima e as ajudam na escola. Na quarta-feira acontece a roda da leitura com a professora Claudia de Oliveira, graduada em capoeira. Os alunos que passam por dificuldades na escola aproveitam o momento para tirar dúvidas.


“Gosto da capoeira pretendo não deixar nunca mais de fazer e a roda da leitura me ensinou o quanto é importante estudar”, fala o garoto Marcos Antônio da Silva Barbosa, de 9 anos.


O acompanhamento dos pais é importante para o desenvolvimento das crianças na capoeira. É o que faz Cláudio José, pai de dois alunos do grupo. Sempre passa nas aulas para acompanhar meus filhos. “A capoeira afasta as crianças das ruas do perigo de se envolver com as drogas, com a violência e tudo que vem para melhorar a vida das nossas crianças é bem vindo e aceito”.

Anúncios
Posted in: ESPORTE